segunda-feira, 10 de agosto de 2009

Aspectos Físicos da Índia





Clima:
O clima da Índia varia entre o tropical, ao sul, e o mais temperado, no norte. Nas regiões setentrionais neva com freqüência no inverno. O clima indiano é fortemente influenciado pelos Himalaias e pelo deserto de Thar. A cordilheira himalaica e o Hindu Kush formam uma barreira contra os ventos frios provenientes da Ásia Central, o que mantém o subcontinente com temperaturas mais elevadas do que outras regiões em latitudes semelhantes. A maior parte da precipitação entre junho e setembro é devida às monções.

Relevo:
O país pode ser dividido em quatro grandes conjuntos geográficos: Himalaya, as planícies aluviais do norte, o Dekkan e o Ghats oriental e ocidental. Himalaya é mais a elevada cadeia de montanhas do mundo. Nascida da colisão entre a placa tibetana e a placa indiana, é formada de balanços cristalinos e sedimentos. O seu ponto culminante em território indiano é o Kangchenjunga (8 598 m), a terceira cimeira do mundo após Everest e o K2. Largo de 160 à 320 Km, Himalaya estira-se sobre mais de 2 400 Km entre a Índia e o Tibete, desde o Jammu-et-Cachemire, ao oeste, até à Assam, ao leste. Ao oeste, Himalaya prolonga-se pela cadeia do Karakorum, na Caxemira, seguidamente por a do Hindu Kush, no Afeganistão.
HimalayAo pé Himalaya estende-se uma vasta planície, de oeste é (do Paquistão ao Bangladeche). Três grandes rios, que tomam a sua fonte ao Tibete ou nos seus confins, atravessam esta região: Indus (2 897 Km), Gange (2 510 Km) e, ao extremo é, Brahmapoutre (2 897 Km). São alimentados pela monção e o ferro fundido das neves himalayennes. Ao leste da península, dois rios conduzem à deltas que progridem sobre o mar: Gange e Brahmapoutre, cujas bacias hidrograficos acumuladas totalizam 3 milhões de Km ², e que arrosent a Bengala-Ocidental, a planície da Assam e o Bangladeche.A Assam apresenta tipos de solos extremamente contrastados: solos medíocres, lavados, sobre as superfícies elevadas, na parte ocidental da planície Gange e o Piemonte do Pendjab; solos inondables, mais favoráveis à agricultura nas regiões baixas. Estes solos, formados alluvions depositados pelos grandes rios, fazem a planície da Assam região mais fértil e povoado do país. Riziculture é desenvolvido muito lá, assim como a cultura do trigo e a bengala à açúcar, mais especificamente na parte setentrional desta região (Uttar Pradesh et Pendjab).
Ao Sul das planícies recorta-se vasta a bandeja triangular do Dekkan, que ocupa o essencial da península indiana com elevadas bandejas do lado do mar do Omã e as bandejas mais baixas do lado do golfo da Bengala. A estrutura da região é a de um escudo précambrien, formado de balanços de naturezas muito diferentes. Às bandejas de granito ou de gneisses (bandeja de Mysore, extremo ao Sul, bandejas do Bastar ou Chota Nagpur, o leste) opõem-se as bandejas basálticas, que apresentam um relevo terrasses. Os solos pretos (ou regur), formados pela decomposição do basalto, têm uma forte capacidade de retenção de água, que favoreceu nomeadamente a cultura do algodão.

Vegetação:
Depende também da época do ano e das Monções. A vegetação é formada por plantas de folha caduca, pois a floresta das monções cedeu lugar a campos de cultivo.Também possui florestas tropicais, locais áridos e também vegetação de montanha, próxima do Himalaia.

Hidrografia:
A Índia conta com diversos grandes rios, como o Ganges, o Bramaputra, o Yamuna, Godavari, Kaveri, Narmada e Krishna. O país possui três arquipélagos: as Laquedivas, as ilhas Andamão e Nicobar e as Sundarbans (no delta do Ganges).

Flora e Fauna:
A Índia oferece um diverso e exuberante patrimônio natural, onde embora tenha sofrido a depredação indiscriminada do homem, ainda pode-se contemplar um espetáculo magnífico.
A mística do Himalaia encerra múltiplos tesouros ecológicos escondidos após as extremas temperaturas. Á medida que se sobe vai descobrindo os bosques de velhos ventos, rododendros, musgos, líquens, fetos, orquídeas, pinheiros indianos, ciprestes, cedros e alerces. Estes bosques estão lotados de mitos de cabeça vermelha, rabilargos de bico vermelho, tragopanes, quebrantahuesos e minivetes vermelhos. Também pode-se ver ursos pretos Tibetanos, ardilhas voadoras, lontras, martas de pescoço amarelo e a mucura listada. Os rebanhos de bodes e ovelhas selvagens são seguidos de perto, pela pantera das neves e, com um pouco da sorte também, pode contemplar o panda menor, conhecido como urso gato.
Porém, a paisagem mais célebre da Índia é a selva, esse terreno onde o tigre é o rei. Aliás, no país também pode-se encontrar savana, desertos e estepes. Os bosques têm sido vistos seriamente dizimados e os animais têm corrido um sério perigo de extinção, mas a política de proteção, promovida nos anos setenta, tem permitido conservar boa parte deles.
Das zonas mais secas às mais úmidas pode-se encontrar bosques secos onde predominam as acácias, mangas, figueiras, palmeiras, teaks e bosques úmidos cheios de bambus. Estas paisagens são o habitat natural de cervos como o antílope indiano, as baransigas, os chitais o os muntjacs. Também pode-se ver gaúres, bois selvagens parecidos aos búfalos, queixadas, elefantes, rinocerontes indianos, langures, macacos, leopardos, panteras pretas, leões asiáticos, panteras nebulosas, ursos bezudos, cobras, mangostas, gaviões, e golfinhos do Ganges. As aves estão representadas pelas corujas, estorninos, urubús, alimoches, milanos pretos, araras, bulbules, pardais grandes, drongos pretos, grullas antígonas, pelícanos, garças, cotorritas de Kramer, avefrías, cormoranes pigmeos, búhos peixeres, águias crestilaas e muitas mais.
O animal mais emblemático da Índia é o tigre, poderoso e belo, mas sua caça indiscriminada conseguiu que dos 50.000 tigres recenseados no princípio do século, ficassem apenas 2.000 em 1969. Perto da extinção, o "Projeto Tigre", iniciado em 1973 pelo Fundo Mundial para a Proteção da Natureza, junto com o governo indiano, conseguiu criar parques e reservas, onde este magnífico animal pudesse sobreviver.

4 comentários:

  1. Muito bom o site.. adorei, me ajudou muito.. bem explicado e pode-se peerceber que quem o escreveu entende do assunto,.. continuem assim ! Obrigado

    ResponderExcluir
  2. muito bom gostei muito do site parabéns

    ResponderExcluir
  3. excelente.
    mim ajudou muito, muito mesmo

    ResponderExcluir